Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 26 de junho de 2018

Santinhos, da Série "para dores, cansaços e esgotamentos"

Santinhos, da série  "para dores, cansaços e esgotamentos"
2018

6 peças
dimensões: 12cm x 8cm , frente e verso



Criei um conjunto de mandingas e medicamentos, para amenizar dores de corpos violentados pelo racismo. Silenciamentos, apagamentos, sequestros, perdas, genocídios. O adoecimento é uma experiência psíquica-corpórea. A saúde dos violentados, demanda modos de cura que estejam atentos para pontos específicos de nossos corpos, pois as dores da alma são sentidas na pele, carne e osso. silenciamentos fazem a garganta doer. Em nossos gestos, há pensamentos. E o pensamento, se produz no movimento do corpo. Sob orientação de uma benzedeira negra, utilizei do passado para compreender o presente e produzir temporalidades e corporeidades mais saudáveis.


Os Santinhos são distribuídos gratuitamente durante a  performance "Plantas que curam". Uma estratégia para catalizar autonomias em sujeito adoecidos, afim de produzirem para si novos modos de se perceber e consequentemente criarem outras mandingas e medicamentos para suas dores, cansaços e esgotamentos. 














registro da performance "Plantas que curam", realizada na Pracinha do Itararé