Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 31 de maio de 2014

Para amar + Inverno 2014: Burgundy

A cor que foi a queridinha dos fashionistas no inverno de 2013, ainda não foi chamada para estrelar as coleções referentes a estação mais fria do ano, em 2014. Ela pode ter conseguido fazer pequenas aparições em algumas  passarelas, e talvez foi flagrada em meia duzia corpos que estavam prestigiando alguma das diversas semanas de moda, que acontecem ao redor do mundo. Na última fileira claro. O lance é que, neste ano, a cor burgundy perdeu seu título para outras estampas e tecidos. Seus amantes a traiu. Agora eles estão em um relacionamento sério com o tartan e o couro.

Entretanto, essa cor ainda possui algumas esperanças. Existem fieis escudeiros que mesmo com sua "decadência", continuaram a seguindo, apoiando, amando e a usando. E eu sou um deles. Talvez a burgundy não faça tanto sucesso quanto fez ano passado. Mas ele virá, porém em uma quantidade menor.

Na minha opinião de amante, essa cor já foi consagrada no cenário fashion, e com isso, se encontra acima dos julgamentos que decidem o que será ou não tendência, em uma estação do ano. Burgundy, você não precisa está em todas as wishlist, muito menos em passarelas, tapetes vermelhos ou em todos os blogs de moda, para ser amanda. 
Do seu fiel escudeiro <3

















Clipes fashions

Primeiramente um relato do sofrimento de um blogger:
Certa vez em um post, eu disse que tinha vontade de mudar o nome dessa tag. E ainda sinto essa vontade. Porém, não consegui pensar em outro nome que me agradasse por completo. Ou que me proporcionasse uma satisfação maior da qual eu sinto atualmente. Devo confessar que "Clipes Inspiradores" surgiu em minha mente. Entretanto eu - também -  ainda estou com um pé atrás com esse título. Mas fiquem calmos, porque não vou desistir de encontrar outro título (para a tristeza dos haters). Creio que ainda tenho uma longa caminha pela frente, mas isso não me desanima, pois sei que no final eu serei recompensado da melhor forma possível: novidade no blog.

Agora os clipes!
<3


Adorei essa coreografia, além de acha-la muito engraçada em algumas partes.



Ja fiz um post pregando o respeito à Banda Uo, além de apontar alguns motivos para você gostar dessa banda. Mas se mesmo assim você não gostou no som, então coloque o volume do vídeo no mudo e o assista escultando outra música qualquer. Vale muito a pena. 

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Inverno 2014 + Para se inspirar: BOY LONDON

Reza a lenda, que certo dia Stephane Raynor sonhou com uma espécie de coleção, na qual todas as peças teriam uma mistura de gavião + a palavra BOY como estampa. Então, Stephane acordou e resolveu fazer desse sonho realidade. Imagino que o caminho que ele percorreu para chegar ao desenho final foi curto, assim como o da gráfica/fabrica na qual as roupas foram confeccionadas. O que impressiona mesmo, é a popularidade que essa marca adquiriu desde que lançou sua primeira camiseta. 
Punks, Clubbers e simpatizantes desses movimentos, esse post é para vocês (!).

No final dos anos 70 e início dos 80, os problemáticos jovens delinquentes (punks e etc) estavam descobrindo uma nova formar de chocar a sociedade. Agora o figurino dessas pessoas contava com uma estampa que estava tornando a vida de seus pais um verdadeiro pesadelo. A idéia de colocar a palavra BOY estampada bem grande em alguma parte do corpo, ao ver da atual geração, é aceitável, porém para aqueles que viviam a trinta anos atrás, foi negativamente impactante. O ato feito por uma menina, em sair na rua usando uma camiseta com a palavra BOY escrita na altura de seus seios, foi considerado uma verdadeira afronta aos bons costumes pregados naquela época. E vendo o auê que eles estavam causando usando essa marca por ai , a galera underground logo tratou de juntar suas moedas para comprar tudo que contivesse essa estampa.

Possuindo uma simplicidade estranhamente impactante, a BOY LONDON  (BL) conseguiu ultrapassar até mesmo o sucesso que seu criador esperava (imagino eu). A galerinha do mal de três décadas atrás, transformou essa estampa em mais um dos símbolos que demonstravam seu - constante - descontentamento com aspectos os sociais daquela época.

Com o passar dos anos, a BL foi perdendo seu lugar em baladinhas punks, passando a ocupar festas repletas de jovens aspirantes à fashionistas renomados. Mas sua essência revoltosa ainda sobrevive, no coração dos primeiros compradores claro.  




















sexta-feira, 9 de maio de 2014

Para se inspirar: CD's, Gruge, Por do Sol, Decepções, Compras, Sapatos e Teatro.

 Fui na Saraiva e resolvi fotografar algumas das capas de CDs mais lindas da loja.

  Achei essa blusa na Marisa. Fiquei muito decepcionado por ela não possuir uma modelagem mais retangular. Não pude comprar, mas todas as blogueiras tem a obrigação de terem uma dessa. 

 Todos os dias eu passo por uma praça. Nela alguns hippies vendem suas artes, feitas com o material que a natureza lhes oferece. Certo dia eu parei e fotografei o espaço de trabalho de um desses artesãos. 

 Esse é sol se pondo atrás da Universidade Federal do Espirito Santo. 

 Essa é a vista do meu quarto, quando estou deitado em minha cama. Não sei o porque, mas eu adoro ela.

Meus sapatos prediletos. 

 Comprei duas camisetas e as as fotografei. Fiz uma montagem para mostrar as duas de uma vez só. 

Mais uma decepção.

 Entrei na papelaria. Pedi a atendente que me mostrasse os tipos de papeis celofanes que ela tinha. Quando a moça me mostrou esse, me apaixonei, nunca tinha visto nada parecido. Comprei e agora estamos morando juntos.


 Meu professor de história me indicou um filme sobre o Getúlio Vargas, então fui assistir. Era domingo, logo a preguiça tinha consumido 98% do meu corpo logo após eu ter acordado. Então, me vestir de uma maneira "ok" e bastante confortável. Como se eu ainda estivesse na minha cama. Gostei bastante do resultado; ele ficou com uma vibe grunge bem legal.


Teatro Carlos Gomes: Fui em um festival de dança que aconteceu na minha cidade. Eu sou apaixonado pelo teto do teatro onde ocorreu as apresentações. Tirei essa foto tentando dar uma pequena visão panorâmica do espaço - bem pequena mesmo. Enfim, da próxima vez que eu for nesse teatro eu tiro não só uma, e sim varias fotos, de todos os ângulos possíveis. Inclusive da parte de fora do teatro, que é realmente linda. Ela possui algumas esculturas de anjos magnificas, bem la em cima do prédio. Prometo contar a história delass.  

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Nova tag: Festivais: Coachella

Aproveitando a onda da campanhas, e protestos, difundidas na internet através de hashtags, quero lançar uma de autoria própria, direcionada aos bloggers e simpatizantes: #NãoAbandonemOPsicoTendência.  Para deixar ainda mais séria a luta contra a minha volta para o anonimato, estou até pensando em tirar uma foto e anexa-la em todas as postagens que possuírem a tag. Pensei em me fotografar um uma clínica psiquiátrica, num estado físico deplorável, no meio de um ataque estérico, pedindo meus visitantes de volta, e ao mesmo tempo ditando tendências através da minha roupa e assessórios. 

Mas antes disso tudo, tenho que dizer o porque do meu apelo: Eu estou fazendo pré vestibular esse ano, então o tempo que antes era usado para atualizar o blog, agora está sendo direcionado para os execícios de física, matemática e etc. Mas eu prometo não abandonar o blog. Ele é muito importante para mim, assim como a participação dos visitantes. Não estou me referindo somente aos comentários, pois as "simples" visualizações também me deixa bastante feliz. Enfim, obrigado por lido até aqui.

***
Faz um bom tempo em que eu não crio uma tag aqui no blog. Dai, parei para pensar em algo que englobasse duas ou mais coisas que eu curtisse bastante. Confesso que nada me veio em mente, e eu fiquei um pouco desesperado. Achei que minha fonte de inspiração tinha se esgotado. 
Então, certo dia os deuses protetores dos blogueiros resolveram atender minhas preces, e eu lembrei de fotos da Vanessa Hudgens (?) em um festival musical. No começo não entendi como aquela lembrança poderia me ajudar, porém alguns segundos se passaram e eu captei a mensagem. Apresento aqui o resultado da graça que me foi concedida por esses seres maravilhosos . 

A nova tag do blog se chama #Festivais. Nela eu vou apresentar não só o visual da galera que frequenta esses eventos, mas também o som que rola lá. O post irá possuir duas ou mais playlists, contendo artistas que ja tocaram no festival em questão, sendo que uma delas será criada por mim. Nessa, eu adicionarei musicas das bandas que eu mais gostei de conhecer enquanto fazia minha pesquisa sobre tal festival. 

E para começar, resolvi fazer uma homenagem a minha recente ~musa inspiradora~ Vanessinha Hudgens, vulgo Rainha do Coachella. O show da Solange (<3), que contou com a participação da sua irmã Beyoncé, também contribuiu para que eu tomasse essa decisão de inaugurar a tag falando sobre o Coachella.  Enfim, eu já escrevi demais. Agora ligue uma das playlist e tente sentir a vibe da galera, olhando as fotos claro. 



minha playlist  










Trecho de uma música  FANTASY da banda MsMr, que tocou no festival esse ano.